A MINHA HISTÓRIA

Nasci e fui criada no RI2 , atingindo a maioridade no CI Militar de Sta Margarida. Fui uma das companhias operacionais do Bat. Caç.2872, o Batalhão “POP”. O seu e meu lema era “Conquistando Os Corações Se Vence A Luta”. O meu destino foi servir na então Província Ultramarina de Angola.
Parti de Lisboa, do Cais da Rocha, a 8 de Maio de 1969 e viajei a bordo do então Paquete Uige.  Cheguei a Luanda a 21 de Maio do mesmo ano e já desfilei no 10 de Junho, na Av Marginal desta cidade.
Fiquei aquartelada no C Militar do Grafanil e na Rede ou na Intervenção, garanti a tranquilidade e segurança na cidade de Luanda.
De Junho a Dezembro de 1969, estive nos Dembos, nas matas do rio Dange, norte de Angola, integrando a Operação Grande Salto e após o seu término regressei ao C Militar do Grafanil em Luanda, voltando à mesma missão de garantir a segurança da população desta cidade. Foi lá que festejei o 1º. Aniversário da minha estadia em terras de Angola.
Já no ano de 1970, de 24 de Junho a 21 de Julho, fui actuar como Companhia de Intervenção na área de Nambuangongo.
Estive , também, como Companhia de Intervenção, em Agosto de 1970,  acompanhada de todo o Batalhão e de uma Bateria de Artilharia na Operação Arrancada, na zona do Rio Zenza.
Nos fins de Agosto de 1970, parti para a Zona Militar Leste. Durante o mês de Setembro, com todo o Batalhão e na área de Camgumbe, estivemos na Operação Escovar, onde combati, patrulhei e reconstruí pontões, abri picadas e recolhi populações reorganizando o Quimbo do Caminhão.
A partir de Outubro de 1970 estive no Canage, Lucusse e Lungue-Bungo, prestando protecção próxima e afastada, à construção da estrada Luso-Gago Coutinho.
Findo o calendário de dois anos de comissão de serviço em 8 de Maio de 1971 aguardei em Luanda o regresso ao continente.
No dia 21 do mês de Junho de 1971, parti de Luanda no Paquete Vera Cruz de Regresso à metrópole, onde cheguei a ….1 de Julho.
jM